terça-feira, 7 de abril de 2020

Quarta-feira de Trevas



A Quarta-feira de trevas é o quarto dia da Semana Santa, aquele que antecede a morte e ressurreição de Jesus Cristo.


É dito como um dia terrível em que a escuridão estava dominando a luz, quando o céu ficou escuro e as trevas desceram à terra, assim a data foi chamada de Tenebrae, que em latim é o Oficio das Trevas.



Também foi neste dia em que Judas Iscariotes traiu Jesus, o entregando em troca de dinheiro.



Nas igrejas católicas a data é celebrada tradicionalmente com velas que representam os salmos da bíblia, e todas elas vão sendo apagadas, para lembrar aos fiéis que nesse dia a escuridão dominava o mundo.

Quinze velas são acesas em um candelabro triangular, ele se chama Tenebrário.

Na missa deste dia, muitos cantos e lamúrias são ouvidos, principalmente para representar o sofrimento de Maria mãe de Jesus.

Bíblias são batidas nos bancos da igreja para representar o terremoto que ocorrou na morte de Cristo.

Quando a última vela é apagada, fazem-se sons de matracas, instrumentos de madeira que representam a caminhada de Jesus para a morte, Logo depois é acesa uma nova vela para representar sua ressurreição e vitória contra o mal.

Um comentário: