Pesquisar

Carregando...

Especial

Visite também!

Visite também!
From The Ashes

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Mula-Sem-Cabeça


A Mula-sem-cabeça é um ser fantástico do folclore brasileiro que tem o corpo de um cavalo sem cabeça e vomita fogo e galopa nas madrugadas de quinta-feira para sexta-feira. Há varias lendas que a Mula-sem-cabeça é a assombração de uma mulher que teve relações com um padre, é amigada com outro homem, (que vive com ele na mesma casa sem ser casada), ter o ato de necrofagia (comer cadáveres de pessoas ou animais) Infanticídio (tentar ou matar o bebê recém nascido), sacrilégios contra a igreja ou Incesto (relações sexuais com uma pessoa da família).

Existe uma lenda muito antiga sobre a Mula-sem-cabeça, que alguns dizem ser a primeira delas. Um rei começou notar o costume estranho de sua esposa, ela andava pela madrugada em um cemitério, certa noite, ele a seguiu e deparou-se com uma cena horrenda, a sua esposa estava comendo um cadáver de uma criança recém nascida que havia morrido na véspera, ele soltou um grito de espanto, nisso, a mulher deu um berro ainda maior se transformando em uma mula-sem-cabeça, e o matou ali mesmo no cemitério pisoteado.


Dizem que a lenda da Mula-sem-cabeça derivou-se de Portugal e quando chegou ao Brasil foi se espalhando, por exemplo: Em uma cidade do Centro-Oeste do Brasil, uma mulher vivia espiando um padre e de vez em quando praticava o ato da fornicação com o mesmo, depois tiveram relações e foi castigada por Deus por esse ato, e passou a se transformar na criatura de madrugada e quem ela encontrasse a sua frente, ela vomitava fogo, e pisoteava com seus cascos até a morte, daí por diante, muitas mulheres de má conduta começaram a se transformar também em Mulas-sem-cabeça.


Elas correm velozes e furiosas pelas estradas até o romper da madrugada, e seus cascos afiados são poderosos, seus coices são como navalhas, de longe pode se ouvir o galope fantástico da Mula e ecoam pelos ventos assim como seu relincho. Para a Mula-sem-cabeça voltar a ser humana e seu encanto ser quebrado, tem que ser ferida por alguém, até que seu sangue escorra.

5 comentários:

  1. Olá :) Vi o blog no orkut, to seguindo, segue o meu tbm? Agradeço de coração, mesmo!
    Eu AMO mitos e lendas, pretendo fazer faculdad de historia. MITOLOGIA GREGA e ROMANA é uma delícia :D
    Curti pra caramba o texto sobre a mula sem cabeça.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  2. Meu bem, mude a cor da letra, para poder ler melhor. Amei seu blog.

    ResponderExcluir
  3. A pessoa adora mitologia grega e romana e curtiu o texto da Mula (?)!!!! Já não basta o sr. Frank ter comido uns 30 centímetros da página, ainda tinha que postar duas vezes - é como dizem, desgraça nunca vem só!

    ResponderExcluir