quinta-feira, 26 de maio de 2011

Teliko

Um Teliko é um ser fantástico do folclore do oeste africano, que ronda a noite em busca de vitimas, para serem mortas de um modo tanto quanto estranho. Sua energia vital é absorvida pelos Telikos pela sucção da pigmentação da pele, deixando os cadáveres brancos, com um aspecto de albinismo. Quanto mais escura a pele da vitima for, o Teliko irá sugar por mais tempo, e ficar mais forte, por isso, ele é freqüente na África.
O Teliko também é conhecido por ser capaz de caber em lugares pequenos, inacessíveis para os seres humanos.




Um Teliko conhecido foi Samuel Aboah, que matou cinco pessoas dessa maneira na Filadélfia, após sua imigração da África para os Estados Unidos, esse fato ocorreu na série de TV, Arquivo X, quando fotografias das vitimas foram mostradas a agente Scully, que observou o fato deles terem perdido toda pigmentação da sua pele. Depois da autópsia feita pela agente, Scully descobre que a glândula pituitária da ultima vitima fora destruída.





Depois de encontrarem o suspeito, que também não possuía uma glândula pituitária, Mulder teoriza que os Telikos não são espíritos, mas membros de uma tribo perdida Africana, que não têm uma glândula pituitária e tem sobrevivido ao longo dos anos, pegando então o que precisavam dos outros.