Pesquisar

Carregando...

Especial

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Anacondas


Anaconda é uma serpente enorme às vezes estudada por criptozoológicos por ser uma criatura assustadora, também é conhecida com uma das espécies da cobra Sucuri, chamada Anaconda Verde ou Sucuri Assassina.


Anacondas são famosas pelo seu tamanho, e algumas por caçar humanos nas florestas, é um animal alvo de varias lendas tanto místicas quanto cientificas, como por exemplo, sua origem se deu a partir de uma experiência feita com genes alterando sua composição, o que fez dela contrair uma anomalia como o gigantismo.


Na ficção popular, o relato mais conhecido é do filme Anaconda de 1997, que inclui a caça a uma anaconda gigante que durante o filme mata vários membros da tripulação.


Existe uma lenda muito comum em tribos indígenas do Norte, explicando que Anaconda pode ser uma criatura mística ou amaldiçoada. A lenda conta que uma índia que vivia entre os rios Amazonas e Trombetas, teve dois filhos gêmeos. Quando os viu, quase morreu de susto por que eles não tinham a forma humana e sim de duas serpentes escuras. Assim mesmo a índia as batizou e atirou-as no rio, por que elas não podiam viver na terra.

As duas serpentes criaram-se livremente nas águas dos rios, cresceram muito deixando sua cor escura e tendo um tom esverdeado, elas assustavam pelo seu tamanho descomunal. As pessoas as chamavam de Cobra Norato e Maria Caninana. Cobra Norato era o homem, forte e bom, nunca fazia mal a ninguém, nunca deixava as pessoas morrerem afogadas nem serem devoradas por outros peixes grandes.

De vez em quando Cobra Norato ia visitar a sua mãe, para isso deixava a sua pele de serpente na beira do rio e se transformava em humano, depois da madrugada, regressava ao rio e voltava para dentro da pele de serpente que o aguardava para novamente ser Cobra Norato a serpente enorme assim como uma Anaconda.


Maria Caninana era perversa e malvada, devorava pescadores, revirava os barcos e canoas, nunca visitou sua mãe. Em Óbidos no Pará, havia outra Anaconda encantada, dormindo dentro da terra, em baixo da Igreja. Maria Caninana mordeu a serpente. Ela não acordou mas se mexeu fazendo a terra abalar e rachar desde o mercado até a Igreja.


Devido a todas as maldades da anaconda Maria Caninana, Cobra Norato foi obrigado a matá-la e ficou sozinho nadando pelos rios, quando havia festa ou eventos nos povoados e ribeirinhos, ele deixava a pele de serpente e ia dançar com as moças e conversar com os rapazes. Sempre pedia para os conhecidos que o desencantassem, para isso, bater com um ferro virgem em sua cabeça, e deitar três gotas de leite de mulher em sua boca. Muitos amigos de Cobra Norato tentaram fazer isso, mas quando viam a enorme serpente, fugiam apavorados.


Um dia Cobra Norato fez amizade com um soldado de Cametá. Era um homem muito destemido, e Cobra Norato o pediu que o desencantasse, o soldado não teve medo, arranjou um machado que não cortara pau, e um vidrinho de leite de mulher. Quando encontrou Norato dormindo, meteu-lhe o machado na cabeça e atirou as três gotas de leite entre seus enormes dentes aguçados. A serpente estremeceu e caiu morta. Dela saiu Cobra Norato, desencantado para sempre.


Essa lenda é muito comum em índios e alguns elementos são metáforas para esconder algum assunto proibido.
Anaconda não tem muito haver com sobrenatural, mas essa lenda é mística e muitas historias fantásticas envolvendo serpentes gigantes, Anacondas são comuns pelo mundo e principalmente na America do Sul.

7 comentários:

  1. Tenho medo de uma simples lagartixa kkkkkkkkk Essas cobras aê são míticas... Aqui no Brasil, elas ficam mais em regiões onde a floresta amazônica ainda está preservada, (ainda bem, vai que você acorda e da de cara com um bicho desse putz kkkk)

    ResponderExcluir
  2. Hahah De anaconda eu sei bem , no zoológico daki tem algumas sucuris , as famosas anacondas. Elas são muito lindas.
    Parabéns Mistery boy ^^

    ResponderExcluir
  3. "Querido lol, me exlique: se , segundo você diz, essas criaturas são míticas, como elas podem existir?"

    ResponderExcluir
  4. Amo essas cobras, axo elas lindas muitolindas msm...

    ResponderExcluir
  5. rsrsrs Claro que as anacondas existem e são grandes, mas não gigantes como os filmes. E não deslizam mais do que um carro corre. nem são mais rápidas do que nós. Isso só nos filmes classe D dos Estados Desunidos. Eles são carnívoras e tem grande força, mas nada desses monstrengos pré-históricos. Ou histéricos. Morrem fácil com um tiro ou golpe de lâmina. Essas lendas indígenas são lindas, mas quase sempre tem um índio que se transforma em alguma coisa. Outros, saem do armário. Dessa aí, a cobra fêmea morreu, o irmão se desencantou e virou guia turístico (abriu sua própria agência na selva), mas as cobras continuam existindo. Tem até uma serpente gigante embaixo da Ilha de São Luís. Dorminhoca, preguiçosa só. pra falar a verdade, em várias cidades do Norte existem cobras embaixo de praças ou igrejas. Algumas até fizeram sucesso no cinema pornô.

    William Bengalão.

    ResponderExcluir